7.ª Conferência do Diálogo de Alto Nível da Plataforma China-Europa para a Água

Decorrerá em Guimarães, nos próximos dias 6 a 8 de novembro, a 7.ª Conferência do Diálogo de Alto Nível da Plataforma China-Europa para a Água (7.ª CEWP). Esta Plataforma, da qual Portugal é parte desde da sua criação, tem como objetivo principal promover o diálogo político, cientifico e empresarial entre a China e a Europa no que respeita aos desafios, soluções e atividades existentes no domínio dos recursos hídricos. Portugal irá assumir, no final deste ano, o Secretariado Europeu da referida Plataforma China-Europa para a Água que tem por objetivo fomentar a cooperação entre ambas as regiões.

Para além do Conferência Ministerial, o evento contará com um Workshop sobre economia circular, a realizar no dia 6 de novembro, um Programa empresarial, a decorrer no dia 7 de novembro, que incluirá sessões apresentadas por peritos europeus e chineses de vários casos de estudo e lessons learned em matéria de políticas de mercado e oportunidades no domínio da água, adaptação às alterações climáticas, transformação digital e instrumentos inovadores na gestão da água, uma sessão de preparação das empresas presentes para a realidade do mercado chinês e uma sessão para aproximação das empresas europeias às empresas chinesas.

A Conferência, para além da confirmação da participação do Ministro do Ambiente e da Transição Energética de Portugal, tem já confirmada a participação do Ministro dos Recursos Hídricos Chinês.

A componente empresarial terá ainda uma zona de Exposição em que todas as empresas europeias e chinesas poderão participar, com o objetivo dar a conhecer os seus negócios e investimentos e promovendo as suas capacidades neste setor.

A 7.ª CEWP está a ser organizada pelo Ministério do Ambiente e da Transição Energética de Portugal, China Water, Universidade de Évora e Câmara Municipal de Guimarães. Todas as informações sobre o evento poderão ser encontradas no website da Conferência.

Última Actualização em 23 de Outubro, 2019

Partilhar este artigo
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp