Programas Ambiente e Crescimento Azul juntos no acompanhamento de projetos

Foto de Grupo – Sala “O Século” – 23.01.2023

Decorrem entre os dias 23 e 25 de janeiro (2023) um conjunto de visitas a projetos do Programa Ambiente e do Programa Crescimento Azul dos EEA Grants.

O conjunto das visitas previstas e planeadas demonstram as grandes sinergias entre estes dois programas – Programa Ambiente e Programa Crescimento Azul, sendo que integram estas visitas e reuniões de trabalho a embaixadora da Noruega em Portugal, a equipa da Secretaria-Geral do Ambiente e operadora do Programa Ambiente, a equipa da Direção-Geral de Política do Mar, operadora do Programa Crescimento Azul, a Unidade Nacional de Gestão, parceiro de programa comum aos dois programas, o Innovation Norway e o Financial Mechanism Office dos EEA Grants.
Na segunda-feira, 23 de janeiro, as visitas foram focadas em projetos do Programa Crescimento Azul em Lisboa, seguidas de reuniões do comité de cooperação na sede do Programa Ambiente – Secretaria-Geral do Ambiente, no espaço da Sala O Século. Terça-feira, dia 24 de janeiro, o grupo seguiu para o Porto e Vila Nova de Gaia, acompanhando três projetos piloto do Programa Ambiente. Estes projetos experimentam a utilização de novas tecnologias de baixo carbono e novos métodos de engenharia natural, com o intuito de regular os pequenos rios na cidade do Porto. Quarta-feira, 25 de janeiro, o grupo acompanha um projeto do Programa Crescimento Azul.

Estes projetos salientam a importância da colaboração entre os Programas Ambiente e Crescimento Azul na criação de soluções criativas e inovadoras, rumo a um futuro mais sustentável.

Para mais informação sobre os projetos consulte os links associados a cada um desses projetos:

– FaroBoats Solar Set Solution

– MarineSIM

– Asprela + Sustentável

– Plano de Valorização e Reabilitação das Linhas de Água do Município do Porto

– Afurada Living Lab 

– MP-RAS 

– Peladrone  

O EEA Grants é um mecanismo financeiro plurianual, através do qual a Islândia, o Liechtenstein e a Noruega apoiam financeiramente os Estados-Membros da União Europeia com maiores desvios da média europeia do PIB per capita, com o objetivo global de reduzir as disparidades económicas e sociais.

 

 

Última Actualização em 24 de Janeiro, 2023

Partilhar este artigo
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp